Institucional

Institucional

Autarquia do Governo do Estado de São Paulo vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, o Centro Paula Souza administra 220 Escolas Técnicas (Etecs) e 66 Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais em 162 municípios paulistas. As Etecs atendem mais de 208 mil estudantes nos Ensinos Técnico e Médio. Atualmente, são oferecidos 138 cursos técnicos para os setores Industrial, Agropecuário e de Serviços. Este número inclui 5 cursos técnicos oferecidos na modalidade semipresencial, 4 cursos on-line, 27 cursos técnicos integrados ao Ensino Médio e 6 cursos técnicos integrados ao Ensino Médio na modalidade EAD.

Já nas Fatecs, 80.000 alunos estão matriculados nos 71 cursos de graduação tecnológica. São instituições públicas de ensino superior que ministram cursos de graduação em tecnologia, concebidos e desenvolvidos para atender segmentos atuais e emergentes da atividade industrial, tendo em vista a constante evolução tecnológica.

Com currículos flexíveis, compostos por disciplinas básicas de apoio tecnológico e específicas da área de atuação do Tecnólogo, esses cursos têm carga horária em torno de 2400 horas. Estruturalmente o ensino se apóia em projetos reais, estudo de casos e em laboratórios específicos aparelhados para reproduzir as condições do ambiente profissional, permitindo ao futuro tecnólogo participar de forma inovadora nos vários trabalhos de sua área.

Esse conceito de ensino exige um corpo docente formado por especialistas, bem como por professores que se dedicam integralmente ao desenvolvimento do ensino e da pesquisa tecnológica. Os Tecnólogos diplomados pelas FATECs são profissionais de nível superior que, pela sua formação direcionada, estão aptos à atuação imediata e qualificada em sua especialidade. Através do domínio e aplicação de conhecimentos científicos e tecnológicos necessários aos trabalhos de ensino, pesquisa, desenvolvimento e gestão tecnológica, transformam esses conhecimentos em processos, projetos, produtos e serviços.

Atuam na atividade industrial, promovendo mudanças e avanços, fundamentando suas decisões no saber tecnológico e na visão multidisciplinar dos problemas que lhes compete solucionar.